Minha lista de blogs

ASA Gigante é finalista do Brasileiro da Série C


Numa partida emocionante, o ASA foi gigante, guerreiro, audacioso e jogando contra um Romeirão lotado, em Juazeiro do Norte, na tarde deste domingo, venceu o Icasa, por 3x2 e se garantiu na final da Série C.

Na primeira partida, disputada em Arapiraca, os times empataram por 1 a 1, assim, a vitória por 3 a 2, deu a vaga para Alagoas. Na fase anterior, o ASA empatou com o Rio Branco em Arapiraca e conquistou a classificação no Acre.

Neste domingo, a partida foi bem disputada, com um primeiro tempo o Icasa abrindo 2 a 1. Mas, em dois minutos no segundo tempo, o ASA conseguiu a virada. Didira aos seis e Rodriguinho aos oito fizeram o gol que classificou o Gigante para a final nacional.

Primeiro tempo cearense
O ASA precisava do resultado e por isso foi com tudo para cima. Logo no primeiro minuto de jogo, em um chute de fora da área, Fábio Lopes acertou a trave. No rebote, Nena não conseguiu aproveitar a boa chance criada.

Depois desta chance, o Icasa abriu o placar aos 13 minutos. Numa boa trama, pelo lado direito, Panda lançou para Pantico, que viu Marcos Vinicius na entrada da área, a bola chegou para o meia, que bateu para o fundo das redes.

Mesmo perdendo, o ASA buscava a todo tempo. Muita raça e disposição. Após uma cobrança de falta de Didira, o zagueiro Leandro subiu mais alto que todo mundo e mandou com força para as metas do goleiro Aloísio.

Aos 45 minutos, após cobrança de falta, a zaga do ASA cortou mal e a bola sobrou para Diogo só completar para o fundo das redes, sem chances para o goleiro Tutti. Depois do gol, o meia Júnior Xuxa do Icasa e o atacante Nena, do ASA, se desentederam e o árbitro Leandro Vuaden deu cartão vermelho para os dois jogadores.

ASA Gigante
No início da etapa final o ASA aproveitou para virar a partida. Aos seis minutos, Didira pegou a bola na entrada da área, passou pelo zagueiro Alan e de fora da área fez um golaço, no Romeirão.

Dois minutos depois, o meia Fábio Lopes roubou a bola no meio campo e cruzou na área. A bola foi na cabeça de Rodriguinho, que testou com força para o fundo das redes, virando a partida para os alagoanos, fazendo a festa dos torcedores alvinegros em Juazeiro do Norte.

Pênalti perdido
O Icasa foi para cima em busca do empate e aos 22 minutos, o árbitro Vuaden viu uma falta de Didira em cima de Pantico. Na cobrança, Marciano bateu, mas o goleiro Tutti pulou muito bem e fez uma excelente defesa.

O pênalti desperdiçado não mudou a vontade do Icasa, mas ele esbarrava numa forte defesa, montada pelo técnico Vica, que estava segurando o resultado, que levava seu time à final da Série C.

A decisão
O ASA agora encara o América-MG em duas partidas, e segundo tabela da CBF, o primeiro jogo será em Arapiraca, no dia 13 de setembro.


fonte: tudonahora

2 comentários:

Anônimo disse...

AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAASA GIGAAAAAAAAAAAAAAAANNNNNNNNNNTE!

jose silva disse...

Moral, melhor time de alagoas

 
Design by Wordpress Theme | Bloggerized by Free Blogger Templates | hospedagem ilimitada gratis